Prefeitura municipal de itabuna

logotipo-021

Prefeitura e Biosanear promovem a educação ambiental com migrantes indígenas venezuelanos

A Prefeitura de Itabuna e a concessionária Biosanear fizeram na manhã desta quinta-feira, dia 25, ação de educação ambiental no abrigo dos venezuelanos indígenas que chegaram à cidade, em setembro do ano passado, no Mangabinha. A iniciativa foi coordenada pelo Departamento de Alta Complexidade da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (SEMPS).

A iniciativa é desdobramento do encontro do Comitê Intersetorial de Refugiados, criado pelo prefeito Augusto Castro (PSD) para o acolhimento a imigrantes, envolvendo ações transversais das secretarias municipais. Dentre as decisões, a realização de mais visitas ao abrigo, diálogos com caciques e fiscalização nos semáforos para evitar a presença de crianças pedindo dinheiro.

Além disso, também acontecem rondas por agentes da Secretaria de Segurança e Ordem Pública (SESOP) para conter o uso de som abusivo que tem sido relatado pela comunidade do bairro.

Na ação ambiental de hoje, o Departamento de Alta Complexidade da SEMPS e a Biosanear fizeram a higienização total no antigo Colégio Antônio Carlos Magalhães, no Mangabinha. “Fizemos a ação planejada para orientá-los quanto à necessidade de recolhimento do lixo. Houve a higienização e a partir de agora haverá a colocação de tambores com o recolhimento à noite pela empresa”, afirmou a assistente social Dulce Marinho- Assistente Social.

Segundo a diretora do Departamento de Alta Complexidade da SEMPS, “os venezuelanos indígenas têm a cultura deles, que precisa ser respeitada, mas com a educação ambiental e de higiene o local será mantido em boas condições sanitárias. Desejamos que isso se torne um costume entre eles, que agora estão vivendo na cidade.” Além da Prefeitura de Itabuna, o acolhimento tem o apoio de instituições parceiras como Defensoria Pública da Bahia e da União, entre outros órgãos.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn